Tudo muito lindo, mas como viver o amor próprio afinal? (primeira parte)

Simples o assunto não é. Quando se fala de amor, qualquer que seja ele, invariavelmente adentramos o fabuloso palácio de Eros e Psique, com todos os seus mistérios, segredos e faces ocultas de desejos, afetos e expectativas e de dimensões ilimitadas, que desafiam as fronteiras do nosso próprio eu. Então, temos de estar prontas/prontos para … Continue a ler Tudo muito lindo, mas como viver o amor próprio afinal? (primeira parte)

Entrevista dada ao Huffpost Brasil sobre relacionamentos amorosos

Uma deliciosa entrevista para a composição deste artigo da Stefani Souza, do Huffpost Brasil: "As questões que nunca te contaram sobre os relacionamentos" Para ser direcionada/direcionado, clique AQUI   “A única forma de estar bem acompanhado é lidando com a solidão, na certeza de que ela existirá mesmo dentro de um relacionamento.” IANA FERREIRA, PSICÓLOGA … Continue a ler Entrevista dada ao Huffpost Brasil sobre relacionamentos amorosos

Final de ano sem ansiedade

Atravessar o final do ano sem algum tipo de ansiedade é um desafio. A boa notícia é que é possível. Infelizmente, ansiedade, além de uma certa melancolia ou outros sentimentos não muito agradáveis também costumam permear essa época do ano, justo o período em que coletivamente somos mais convidados a estar festivos, alegres e com … Continue a ler Final de ano sem ansiedade

Psicoterapia e a ética nossa do dia a dia

Toda cultura ou sociedade constrói seu código moral, ou seja, uma série de regras acerca do bem e do mal, do permitido e do proibido, do correto e do incorreto. Nascemos em meio a este conjunto de valores institucionalizado e comumente naturalizado, ou seja, o código moral, as regras de conduta estabelecidas, é tomado como … Continue a ler Psicoterapia e a ética nossa do dia a dia

A Amazônia e o inconsciente ou a Amazônia inconsciente

Este texto também poderia se chamar: “inconsciente amazônico”, “nós, seres humanos, inconscientes e amazônicos”. Ou, na polaridade oposta: “Conscientes da Amazônia”, “Amazônia consciente urgente” etc. etc. O fato é que nesses dias de difíceis notícias a respeito da nossa floresta, este patrimônio gigantesco, magnífico, riquíssimo em muitos níveis, reino de abundância e extrema diversidade e, … Continue a ler A Amazônia e o inconsciente ou a Amazônia inconsciente

Reeducação afetiva, reaprendendo a bem nutrir a vida

Expressão que virou arroz de festa há alguns anos, a reeducação alimentar visita quase que qualquer conversa, a qualquer hora, em qualquer lugar. Muitas vezes chega até no rodízio de pizza ou no churrasco de domingo, com o acréscimo daquele comentário indulgente de que se pode comer de tudo, o importante é achar um equilíbrio … Continue a ler Reeducação afetiva, reaprendendo a bem nutrir a vida

Embrulha pra presente? Sobre a desaceleração possível nas festas de fim de ano

Se você pudesse escolher um presente de Natal, qualquer presente, mas qualquer mesmo, o que seria? Uma vez fiz essa pesquisa entre amigos e para minha surpresa parece que, quando abrimos as possibilidades para “qualquer presente, mas qualquer mesmo”, as pessoas – ao menos os meus queridos amigos – navegam em seus anseios e aportam … Continue a ler Embrulha pra presente? Sobre a desaceleração possível nas festas de fim de ano

Liderança, poder, responsabilidade, ordem ou caos

Onde um líder se estabelece, o poder deve ter pouca importância, a responsabilidade, toda importância. Se pensássemos assim, poucos de nós almejaríamos uma posição de liderança. Afinal a responsabilidade que pesa aí é bastante grande. No entanto, quantas vezes não lutamos por este lugar, por um lugar de poder, que seja na discussão do almoço … Continue a ler Liderança, poder, responsabilidade, ordem ou caos

Escolhas conscientes diárias, nosso maior exercício político

Estamos novamente polarizados. Está-se instalando no Brasil a tradição de, de tempos em tempos, diante de momentos políticos importantes, mergulharmos num clima exaltado, em especial virtualmente, em defesa de uma ou outra posição política. Beligerantes, raivosos ou apenas dignamente indignados, no mês que vem iremos às urnas de novo a fim de depositar nossos votos, … Continue a ler Escolhas conscientes diárias, nosso maior exercício político

Plasticidade dos corpos ou corpos plásticos? Uma escolha que precisamos fazer

Que o Brasil há anos ocupa as primeiras posições no ranking de países que mais realizam cirurgias plásticas, todo mundo sabe ou adivinha. Que o mundo se preocupa a cada hora mais com aparência e estética, todos nós sentimos na pele – desculpem o trocadilho. Ainda assim, a notícia, há algumas semanas, de que uma … Continue a ler Plasticidade dos corpos ou corpos plásticos? Uma escolha que precisamos fazer